quarta-feira, 22 de outubro de 2008

JONATHAN FERREIRA


Jonathan Ferreira nasceu no dia 26 de maio de 1984 na cidade de Arapiraca, AL. Desde muito cedo teve interesse pela musica por seus pais já serem desse ramo. Sempre gostou de ouvir música. Na verdade, sonhava em ser um crítico de música, o que não deu tão certo. Aprendeu a tocar violão quando saiu o projeto, os tribalistas. Sua primeira música foi Velha Infância. Daí em diante passou a compor e estudar música cada vez mais. Entrou no coral Villa-Lobos em Arapiraca e lá aprendeu praticamente tudo de técnica. No Villa Lobos, conheceu seus maiores amigos e parceiros, como Wherla, com quem dividiu o palco na banda Angel’s Rebel, banda atualmente inexistente.
A banda Angel’s Rebel era formada por duas irmãs, a Dinnah (guitarrista) e a Jane (baixista) com a proposta de ser uma banda feminina. Quando Jonathan entrou na banda já havia um homem no meio, o Valdo (baterista). A principio ele era backing vocal. Posteriormente ele assumiu também a guitarra base. Assumiu a posição de guitarrista até a entrada de uma guitarrista, a Ramona. Quando Sharlinne assumiu a bateria ele saiu da banda. Segundo Jonathan, ele era meio que um estepe na banda, pois a idéia do projeto era mais vibrante nas meninas, além dele não gostar de fazer covers. Outra banda que Jonathan participou foi a Anomalia, mas que não era uma coisa muito séria, pois de acordo com ele, era coisa de colégio e só tocou em festas em Arapiraca.
Jonathan se viu como profissional depois que começou a tocar na noite. Primeiro atuou como músico em Arapiraca, depois Maceió, Brasília, Sergipe e uma parte da Bahia. De acordo com o nosso artista, “A noite te faz amadurecer muito, mas deixa você sempre as sombras porque você sempre está reproduzindo os sentimentos e as idéias de terceiros. Você defende a verdade alheia e as vezes toca coisas que não têm nada haver com o que você é. Por isso, evito ao máximo tocar na noite. Prefiro tocar o meu som”.
Jonathan já conquistou alguns prêmios. Um deles foi o FESTA 2005, festival promovido pela Candeeiro Aceso e pelo SESC AL em Arapiraca. Nesse festival, nosso artista concorreu com um grupo de musica regional com uma temática similar a da Barca do Sol. Todos os integrantes eram do Coral Villa-Lobos, inclusive a regente, Simone Bastos. O FESTA premiava os dez primeiros colocados com a gravação de um CD (que nunca saiu) e a banda que Jonathan participava conseguiu essa colocação. A formação da banda era: Jonathan no violão e no vocal, Wherla na guitarra e também no vocal, Israel, Égide e Lígia faziam os vocais e tocavam percussão, Simone no vocal e no teclado e Rogério na bateria e na percussão. As músicas da banda falavam da realidade do sertanejo e das fantasias existentes do nosso folclore. Em 2007 participou do Sescanção 2007 no qual ganhou um troféu com a música “Na Br” (composição discutida na coluna de Vina Torto no Cinform Online).
Nosso artista se prepara pra fazer o cd Inédita, que é um projeto que nosso artista já traz há uns três anos, mas só agora sente que tem um repertório certo para realizá-lo. Em outubro Jonathan entra em estúdio com a banda para registrar tudo em som, e segundo ele, “partir pra um degrau novo na minha vida musical”.
Com relação às suas influências musicais, nosso artista nos elenca uma série de artistas que o inspiram em sua produção musical. Dentre eles estão: Marisa Monte, Vanessa da Mata, Air, Coldplay, Amy Winehouse, Chritina Aguilera, Tom Jobim, Chico Buarque, BEP, Camille, Devandra Benrhart , Caetano, Gil, Bethânia, Baby, Gal, Os novos Baianos, Ray Charles, Jeff Buckley, Radiohead.
No que diz respeito ao cenário musical sergipano, nosso compositor acredita que comparado a outros lugares que ele já viveu, em Sergipe existe uma abertura muito maior para a música. Jonathan percebe um respeito pelo seu gosto musical, pela sua forma de fazer música. De acordo com ele, geralmente as pessoas rotulam e são preconceituosas em relação a estilos musicais. Segundo Jonathan, “ aqui eu tenho uma abertura e publico para as músicas que eu escrevo, desde as que são simples em harmonia e letra às que tem harmonias mais ricas e poesias de textos com linguagem mais rebuscada. Claro que em se tratando de musica popular brasileira, ainda há uma longa jornada, e isso é em âmbito nacional.
Quem tiver interesse em entrar em contato com nosso artista, é só acessar o orkut: http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=20204838, pela agência:: jgturismo@hotmail.com ou pelo cel: (79) 3631-5449 (Genilson), ou ainda pelo celular: (079) 9981 9357.